A VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA MULHERES NO MUNICÍPIO DE ITABUNA/BA EM TEMPOS DE COVID-19

O QUE OS DADOS REVELAM - OU OCULTAM

Resumo

O presente estudo trata da violência doméstica contra a mulher no município de Itabuna/BA durante o período da pandemia de Covid-19. Objetiva esclarecer como o isolamento social ensejado pela pandemia tem impactado nos índices dessa problemática e ilustrar o caminho percorrido pela mulher na busca por suporte. Utiliza predominantemente o método hipotético-dedutivo. Aborda o tema da violência doméstica na sociedade brasileira e os mecanismos legais utilizados com vistas ao enfrentamento do problema, e tem como marco principal a criação da Lei Maria da Penha. Explicita o cenário pandêmico e relaciona as estatísticas relativas à violência doméstica a esse panorama. Elucida a situação brasileira e faz o recorte do estado da Bahia, por ser o ente federativo no qual se localiza o município objeto do estudo. Apresenta o contexto da cidade de Itabuna/BA ao explanar sua rede de atendimento às mulheres em situação de violência doméstica e explica a perspectiva do problema no âmbito municipal através da exposição de dados e de sua problematização. Discute possíveis problemas encontrados no sistema de proteção do município e desenvolve uma análise crítica. Conclui que há necessidade de criação de políticas públicas mais eficazes, além de maior empenho das autoridades públicas para a efetiva implementação das leis existentes.

Biografia do Autor

CAMYLE NUNES DE ALMEIDA, UESC

Discente do curso de Direito (9° semestre) na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC).

 
JULIANA CUNHA DOS SANTOS, UESC

Acadêmica do 9º período do curso de Direito na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC)

MARÍLIA DOS SANTOS BORBA DALTRO, UESC

Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Português, Revisão e Produção de Textos, Linguística,
Língua Estrangeira - Inglês. Possui mestrado em Letras - Linguagens e Representações pela Universidade
Estadual de Santa Cruz - BA (2011), pós - graduação em Língua Inglesa pela Universidade Salvador - UNIFACS -
BA (2007) e graduação em Letras pela Universidade Estadual de Santa Cruz - BA (2001). Atuou no curso de
Letras EAD, UESC - BA, como tutora à distância (2009-2012) e como professora pesquisadora do curso de
Pedagogia no Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica - PARFOR, da UESC - BA (20012-
2015). Atualmente é professora nas redes Estadual e Municipal de Itabuna - BA

Publicado
2021-02-05