“A morte de Deus” em Dostoievski e Nietzsche

  • Rafael Ribeiro de Almeida

Resumo

O artigo desenvolvido pretende abordar o escritor russo Fiodor Dostoievski e o filósofo alemão Friedrich Nietzsche considerando o processo de investigação pelo qual se lançaram quanto "à morte de Deus", tendo em vista que ambos os autores levaram tal questão às suas últimas consequências em termos de seus corolários futuros e possíveis para o ser humano. Tentaremos indicar que, embora existam similaridades e afinidades entre os dois autores, visto que ambos anunciam (o contexto da) morte de deus, buscaremos evidenciar de alguma forma as suas direções últimas que, no limite, se confrontam, visto que Dostoievski aponta para a redenção, caminho precisamente oposto tomado por Nietzsche.

Publicado
2019-12-05