Niilismo, verdade e conflito na hermenêutica filosófica de Gianni Vattimo

  • Luis Uribe Miranda

Resumo

Este artigo desenvolve a tese segundo a qual o niilismo é conatural a hermenêutica filosófica, segundo Gianni Vattimo. A afirmação dessa tese não implica a negação da verdade, mas sim, uma saída da metafísica da presença e de seu conceito de verdade como adaequatio, o que implica afirmar que, também, o conflito é conatural na hermenêutica filosófica e que, por sua vez, abre o caminho para pensar uma política a partir do enfraquecimento da hermenêutica em Gianni Vattimo.

Publicado
2019-12-05