Avicultura versus gado bovino no Acre: agricultura familiar e desenvolvimento rural em questão

  • Emerson Luiz Curvêlo Machado Universidade Federal do Acre
  • Raimundo Cláudio Gomes Maciel Universidade Federal do Acre
  • Francisco Bezerra Lima Júnior Instituto Federal de Educação, Ensino e Tecnologia
  • Pedro Gilberto Cavalcante Filho Universidade Federal do Acre

Resumo

No processo de desarticulação do extrativismo vegetal e ascensão do projeto desenvolvimentista na região amazônica, pós-1970, a agropecuária, em particular a pecuária de gado bovino, entra em cena como atividade moderna. Contudo, os problemas socioambientais decorrentes dessa transição, como os conflitos pela posse da terra e os desmatamentos, levaram a sérios questionamentos desse novo modelo, notadamente relacionados à alternativas produtivas sustentáveis à produção familiar rural. Neste sentido, o objetivo do presente trabalho é avaliar o potencial da Avicultura alternativa no estado do Acre e o papel da agricultura familiar na região, a partir do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Pesquisa Pecuária Municipal (PPM), Censo Agropecuário de 1996, Censo Agropecuário de 2006, em contraponto à pecuária de gado bovino. Trabalha-se com indicadores que demonstram a necessidade do trade-off entre a geração de emprego/renda, eficiência técnica da terra e impacto ambiental. Os resultados demonstram que a Avicultura alternativa é mais eficiente socioeconomicamente e ambiental na agricultura familiar do que a pratica da pecuária extensiva, atividade predominante no âmbito econômico da agricultura patronal, corroborando um caminho em detrimento de práticas insustentáveis no meio rural.

Biografia do Autor

Emerson Luiz Curvêlo Machado, Universidade Federal do Acre
Mestre em Desenvolvimento Regional pela Universidade Federal do Acre
Raimundo Cláudio Gomes Maciel, Universidade Federal do Acre
Doutor em Economia Aplicada pela Universide Estadual de Campinas
Francisco Bezerra Lima Júnior, Instituto Federal de Educação, Ensino e Tecnologia
Mestre em Desenvolvimento Regional pela Universidade Federal do Acre

Referências

ACRE. Governo do Estado do Acre. Secretaria de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável. Acre em Números: 2011. Rio Branco: SEPLANDS, 2011.

ALBINO, L. F. T.; JÚNIOR, J. G. de V.; SILVA, J. H. V.Criação de frango e galinha caipira. Avicultura alternativa; Viçosa – MG; Aprenda Fácil; 2001, 113 p.

BOTELHO FILHO F.; W. L. CASTRO JÚNIOR .;COSTA M. V. Custo de produção na avicultura alternativa do Distrito federal. http://www.cpafrr.embrapa.br/embrapa/attachments/291_doc022008_%20galinhacaipira_ramayana.pdf

BRASIL, Ministério da Agricultura, do Abastecimento e da Reforma Agrária. Programa Nacional de Sanidade Avícola. Atos Legais. Portaria nº 193 de 19 de setembro de 1994.

BRASIL, Ministério da Agricultura e do Abastecimento - Secretaria de Defesa Agropecuária Departamento de Defesa Animal - Coordenação de Vigilância e Programas Sanitários.

CARMO, Maristela Simões, SALLES, Julieta T.A.O., COMITRE, Valeria. Agricultura Sustentável e o Desafio da Produção de Alimentos no Limiar do Terceiro Milênio. Informações Econômicas. São Paulo, v.25, n.11, p.25-33, nov.1998.

CARNEIRO, V. S. Composição e estrutura da comunidade de helmintos parasitos de galinhas, Gallusdomesticus (L.), no município de Seropédica, estado do Rio de Janeiro. 2001. Tese (Doutorado) – Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro. 2001.

DOMBEK. Luiz Antônio. Autoconsumo e Segurança Alimentar em Assentamentos Rurais do Portal do Panorama. Campinas: UNICAMP/FEA, 2006. 220p. (Dissertação de mestrado).

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISAS AGROPECUÁRIAS – EMBRAPA. Evolução da produção agropecuária no Acre. Disponível em: http://www.cpafac.embrapa.br/nova/artigos/artigo.php?artigo=385> Acesso em: 14 Jun. 2011.

FERNANDES, Ângela Esther Borges. O Perfil da Agricultura Familiar Brasileira. Disponível em: http://www.webartigos.com/articles/16496/1/O-PERFIL-DA-AGRICULTURA-FAMILIAR-BRASILEIRA/pagina1.html. Acesso em: 21 de Maio de 2011.

GARCIA, R. G., CALDARA, F. R., ABREU, A. P. N. DEMATTÊ FILHO, L.C.D., PEDROSA, J. M. Y. Perspectivas de Mercado do Frango certificado Alternativo no estado de São Paulo-Botucatu: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, 2002. P. 32

GUANZIROLI, Carlos et al. Agricultura Familiar e Reforma Agrária no Século XXI. Rio de Janeiro: Garamond, 2001.

GRAZIANO NETO, Francisco. Questão Agrária e Ecologia: Crítica da moderna agricultura. Rio de Janeiro: Brasiliense, 1982.

IBGE. Pesquisa de Orçamento Familiar -POF. Disponível em: <http://www.sidra.ibge.gov.br> Acesso em: 12 jul. 2012. IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2009.

IBGE. Censo Agropecuário 2006. Brasil, Grandes Regiões e Unidades da Federação. Rio de Janeiro: MPOG, 2009. Disponível em:

http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/economia/agropecuaria/censoagro/default.shtm

MATTE, A; SPANEVELLO, R.M; AZEVEDO, L.F de. A reprodução social na agricultura familiar: A saída dos filhos e o encaminhamento do patrimônio entre agricultores sem sucessores. In: Congresso Brasileiro de Economia, Administração e Sociologia Rural, XLVIII, 2010, Campo Grande. Anais… Campo Grande: SOBER, 2010.

MEDEIROS, Josemar; WILKINSON, John; LIMA, Dalmo. O desenvolvimento científico tecnológico e a agricultura familiar. In: LIMA, Dalmo; WILKINSON, John. Inovação nas tradições da agricultura familiar. Brasília: CNPq/Paralelo 15, 2002.

NAVARRO, Zander. Desenvolvimento rural no Brasil: os limites do passado e os caminhos do futuro. Estudos Avançados, São Paulo, v. 15, n. 43, p. 83-100, set./dez. 2001.

ORSI, S. D. Principais contribuições do PTA ao Programa de Verticalização da Pequena Produção Agrícola Do Distrito Federal – PROVE-. In: Dalmo Marcelo de Albuquerque Lima e John Wilkinson. (Org.). Inovação nas Tradições da Agricultura Familiar. 1 ed. Brasília: Paralelo 15 Editores, 2002, v. 1, p. 9-399.

SOUZA, Nali de Jesus de. Desenvolvimento econômico.5.ed. São Paulo: Atlas, 2008.

SANTOS, Manoel José dos. Projeto alternativo de desenvolvimento rural sustentável. Estud. av., Dez 2001, vol.15, no.43, p.225-238.

TOSCANO, Luiz Fernando. Agricultura familiar e seu grande desafio. Disponível em: <http://www.agr.feis.unesp.br/dv09102003.htm>. Acesso em: Novembro de 2011.

WANDERLEY, M. de N. B., Raízes Históricas do Campesinato Brasileiro, Minas Gerais: XX Encontro Anual da ANPOS. GT17. Processos Sociais Agrários, out. 1996.

Publicado
2018-05-07