História e historiografia do cinema Brasileiro: objetos do historiador

  • Sheila Schvarzman
Palavras-chave: Historiografia, cinema

Resumo

A Historiografia do Cinema não era objeto do interesse de historiadores. Considerada um divertimento, sua história ficava a cargo de pessoas do meio cinematográfico. Com a Nova História e seus novos objetos, o cinema, sobretudo os filmes, são apropriados pelos historiadores como fonte. A partir dessa aproximação e por conta de mudanças nos estudos históricos e nos estudos cinematográficos, a partir dos anos 1970/80, estudiosos de cinema buscam métodos históricos de análise, e historiadores voltam-se para a atividade cinematográfica como objeto de interesse. Nosso objetivo neste artigo é observar como se plasmou essa história ao longo do tempo, que modificações aproximam os historiadores da história do cinema e que modificações introduzem nesses estudos. Isso permitirá observar as oscilações na forma de abordagem e na definição do objeto da história do cinema e, em especial, do cinema brasileiro: o que estuda, com que materiais e métodos trabalha e qual o sentido dessa história. 

Publicado
2016-02-22