Educação a distância: política social e formação de professores

  • Beatriz de Basto Teixeira
Palavras-chave: EAD. Política educacional. Universidade Aberta do Brasil.

Resumo

O presente artigo analisa a experiência do Curso de Pedagogia da UAB/UFJF, desenvolvido desde 2007, a partir dos resultados da pesquisa de monitoramento desse projeto educativo desenvolvido pela Universidade mineira. São apresentados dados que compõem o perfil dos alunos do curso para justificar a sua caracterização como política social, em função da oportunidade de acesso ao ensino superior criada para esse público. Reforça a ideia de que política social de grande relevância é implementada porque associa formação de professores, fator de grande impacto sobre a qualidade da educação, oportunidade de realização de direitos para quem só por meio da educação a distância pode ampliar sua escolarização.

Publicado
2015-09-30