O ato fotográfico no poema “Ópera de pássaros”

  • Renato Gonçalves Peruzzo
  • Rodrigo Bomfim Oliveira

Resumo

O artigo analisa o ato fotográfico descrito no poema “Ópera de pássaros”, de Chacal (2002; 2007), a partir da retrospectiva do realismo da fotografia empreendida por Dubois (1994). O teórico baseia-se na relação da fotografia com as noções da tríade do signo (ícone, símbolo, índice) e apresenta os posicionamentos de críticos e teóricos sobre o princípio da realidade – a fotografia como espelho do real, como transformação do real e como traço do real. Fundamentando-se no texto de Dubois para a análise, o poema mostrou-se liricamente construído nos três eixos de pensamentos acerca do ato fotográfico, permitindo, portanto, sua correlação.

Biografia do Autor

Renato Gonçalves Peruzzo

Mestrando em Letras: Linguagens e Representações 

Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC

Rodrigo Bomfim Oliveira

Professor do Curso de Comunicação Social – Rádio e TV (UESC) 

Doutor em Cultura e Sociedade pelo IHAC – UFBA)

Publicado
2018-06-21