IDENTIFICAÇÃO DE RISCO DE LESÃO POR PRESSÃO EM INDIVÍDUOS HOSPI- TALIZADOS: UMA EXPERIÊNCIA EXTENSIONISTA

  • Roseanne Montargil Rocha
  • Tércia Oliveira Coelho
  • Rayzza Santos Vasconcelos
  • Laís Souza Farias
  • Verônica Rabelo Amaral
Palavras-chave: Lesão por pressão. Escala de Braden. Estomaterapia.

Resumo

O objetivo do estudo foi observar o risco de indivíduos internados em um hospital público de desenvolver lesão por pressão, por meio de atividade ex- tensionista no dia Mundial de Prevenção de Lesão por Pressão. Trata-se de um relato de experiência de ação extensionista, com abordagem quantitativa e des- critiva, que teve como cenário um hospital público do interior da Bahia. A coleta de dados ocorreu por meio de um formulário estruturado e pela Escala de Braden aplicados por discentes de enfermagem. O público alvo foram funcionários do hospital e 123 indivíduos internados. Os resultados demostraram que o risco de desenvolver a lesão por pressão é predominante em sujeitos acamados e inter- nados na enfermaria de clínica médica, sendo essa informação relevante para o planejamento de gestores e funcionários do hospital, promovendo a prevenção e identi cação de novas lesões em indivíduos internados. A vivência nesta ação extensionista de intervenção e educação em saúde se constituiu em um espaço de ensino-aprendizagem, possibilitando a consolidação do conhecimento teóri- co no desenvolvimento da prática. 

Publicado
2018-03-23