O SISTEMA DA DÁDIVA NAS RELAÇÕES COMUNITÁRIAS E A CONSTITUIÇÃO DE ALIANÇAS PELO TRABALHO TRADICIONAL

  • Maria do Rosário Rolfsen Salles
  • Gabriela Arantes Ferreira de Sales
Palavras-chave: Dádiva. Turismo Comunitário. Economia Solidária. Redes de Colaboração Solidária.

Resumo

A proposta do presente trabalho é apresentar uma reflexão sobre a constituição de vínculos sociais estabelecidos a partir de um sistema de cooperação integrado, representado pela organização da atividade turística em comunidades tradicionais e verificar sua relação com o sistema da dádiva na sociedade moderna. O estudo é desenvolvido tendo como referência, o sistema do dom, modelo de trocas sociais, sugerido por Marcel Mauss (1974), baseado em um encadeamento de dádivas e contra-dádivas que podem suceder infinitamente. Serão apresentados resultados da pesquisa desenvolvida em oito comunidades localizadas na costa leste do Estado do Ceará. Nos vilarejos estudados, os grupos são organizados em projetos de base familiar e o turismo comunitário é idealizado partindo da ética e da solidariedade para estabelecer relações comerciais e de intercâmbio entre a comunidade e visitantes. As atividades turísticas são realizadas por meio de redes colaborativas estabelecidas a partir de vínculos sociais espontâneos como proposta para uma gestão solidária.

Publicado
2015-01-28
Seção
Artigos