AL-MUTAMID

de Rei-Poeta, a Rota Turística e Cultural

  • ALEXANDRA RODRIGUES GONÇALVES Universidade do Algarve

Resumo

Al-Mutamid é uma personagem mítica na história do al-Andalus cuja vida despertou o interesse de especialistas e do público em geral. Viveu em Portugal, Espanha e Marrocos, onde acabou por morrer no exílio imposto pela poderosa dinastia Almorávida.  A rota al-Mutamid estende-se de Lisboa a Granada, passando por Huelva e Sevilha. É uma das estradas mais ricas do al-Andalus, uma vez que a herança monumental da Andaluzia é adicionada à de Portugal do período muçulmano. Esta rota, com dois ramos, abrange o canto sudoeste da Península Ibérica fazendo um percurso pelas terras portuguesas até a capital da Andaluzia. Portugal muçulmano era uma parte consubstancial do al-Andalus. As fronteiras entre a Espanha muçulmana e os reinos cristãos do norte mudaram ao longo dos séculos. Durante o califado chegaram ao Douro, mas no período Almoada já estavam a sul do Tejo. Nada separava as áreas do al-Andalus que mais tarde se tornaram parte de Portugal. A rota estrutura uma narrativa baseada numa herança cultural comum entre Portugal e Espanha, e tem na sua origem a convicção que as rotas culturais são um elemento fundamental na construção de uma relação de benefícios mútuos entre cultura e turismo. Este trabalho resulta de uma estreita colaboração com a Fundação Pública Andaluza- El Legado Andaluzi relativo ao período de 2013 a 20182, e discute boas práticas com vista ao desenvolvimento de rotas turísticas e culturais.

Biografia do Autor

ALEXANDRA RODRIGUES GONÇALVES, Universidade do Algarve

Investigadora integrada do CinTurs, Universidade do Algarve e Investigadora colaboradora do Centro de Estudos Comparatistas, da Universidade de Lisboa

Publicado
2020-03-16