Chamada vol. 8 n. 1

O volume 8, número 1 da Revista Litterata acolherá textos interdisciplinares que discutam as relações entre literatura, política e dissidências sexuais e de gênero. Os trabalhos devem tratar de obras de qualquer período ou estilo literário que problematizem as normatizações, normalizações e patologizações das subjetividades ex-cêntricas e as performatividades de gênero binárias (BUTLER, 2003). Análises sobre narrativas de ficção, poemas, dramaturgias e demais textualidades artísticas que rompam com os paradigmas e normatizações sistemáticas de culturas ocidentais judaico-cristãs e críticas à heteronormatividade também são bem-vindas. Ao propor  reflexões sobre o caráter político e ativista das obras analisadas, objetiva-se discutir em que medida tais obras se posicionam pelo respeito e reconhecimento das dissidências sexuais e de gênero, focalizando também as rupturas e subversões que operam em relação a padrões, linguagens e estilos literários. 

Data limite para envio das propostas: 15/02/2018