Extensão rural em projetos de assentamento de reforma agrária no sul da Bahia

Marco Aurélio Rodrigues, Jamile Pereira Cunha Rodrigues

Resumo


Jamile Pereira Cunha Rodrigues

A Costa do Cacau, litoral sul da Bahia, é uma região com um dos mais importantes remanescentes de Mata Atlântica, mas também caracterizada por baixos índices de renda, pouca oportunidade de emprego e deficiências nos serviços de educação e saúde. Entre os grupos que sofrem com o modelo de desenvolvimento da região estão  os moradores dos assentamentos de reforma agrária, em especial, os  afrodescendentes. É nesse contexto, e com o objetivo de contribuir para mudanças  essa realidade, que a CARE Brasil desenvolve ações que buscam o desenvolvimento local, integrado e sistêmico, em especial atendendo às necessidades das famílias assentadas, marcadas por pouca escolaridade, baixa produção e capacidade de  gestão limitada. As atividades do programa de extensão rural são desenvolvidas em cinco assentamentos de reforma agrária, utilizando a metodologia do desenvolvimento local que busca melhorias e mudanças nos campos: social, político e econômico. Os  resultados do programa incluem melhoria da organização comunitária, geração de renda, produção de alimentos para subsistência e comercialização, instalação de sistemas de abastecimento de água, saneamento básico e restauração florestal. A conclusão é de que a extensão rural é fundamental para a melhoria das condições de  vida dos assentados de reforma agrária, propiciando mudanças significativas nos assentamentos.


Palavras-chave


Assentamentos de reforma agrária; Extensão rural; Alívio de pobreza.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.