Pedofilia e mídia: representações sobre violência sexual contra crianças e adolescentes

  • Ceci Vilar Noronha
  • Andrija Almeida
Palavras-chave: , Pedofilia, Violência sexual, Cibercrimes, Controle social

Resumo

Este estudo tem como tema central aspectos psicossociais da pedofilia e da pornografia infantil como fenômenos interrelacionados que vitimizam um segmento social vulnerável. Como corolário destes crimes, exploramos as formas de controle social sobre os acusados e o grau de espetacularização das ações das agências responsáveis. Em termos metodológicos, a mídia impressa e on-line foi útil à coleta de informações e permitiu uma reconstrução de várias facetas do problema. Dificuldades e avanços no controle destes crimes formam parte desta análise, focalizando a atuação dos pedófilos, em redes, que burlam legislações nacionais e estendem seus tentáculos a muitos países, simultaneamente. Vale reiterar a eficiência na aproximação dos pedófilos em relação às suas vítimas via novas tecnologias de informação, uma característica da sociedade pós-moderna. Como também situar o porquê de o público-alvo da pedofilia sentir-se particularmente atraído pelas ferramentas do mundo virtual que concorrem para fomentar narrativas da vida cotidiana e facilitar novos círculos de amizades.

Publicado
2015-09-30