A Cartomante: do triângulo amoroso machadiano à trama argumentativa

Resumo

O presente estudo busca mostrar como os pressupostos da Teoria da Polifonia, de Ducrot, podem colaborar com o leitor para a compreensão do processo argumentativo que se instaura no discurso, permitindo determinadas continuações, quer do locutor, quer do alocutário, e impedindo outras. A fundamentação teórica deste estudo está alicerçada em Ducrot, idealizador e pesquisador da Semântica Argumentativa (SA) ou Teoria da Argumentação na Língua (TAL), bem como em Barbisan e Teixeira. Aplica-se, nesta investigação o método da simulação proposto por Ducrot, que consiste na observação, descrição e explicação do sentido do discurso para chegar à significação na língua. A descrição polifônica do discurso permite explicar, por exemplo, a trama de vozes presentes no discurso que evidencia a argumentação do locutor.

Referências

ANSCOMBRE, Jean-Claude; DUCROT, Oswald. La Argumentación en la lengua. Editorial Gredos, S.A.: Madrid, 1994.

AZEVEDO, Tânia Maris. Aprendizagem da compreensão leitora: uma proposta de transposição didática da Teoria da Polifonia e da Teoria dos Blocos Semânticos. Signo, Santa Cruz do Sul, v. 44, n. 80, jul. 2019.

ASSIS, Machado de. A Cartomante. [S.l.], Sivadi Editorial, 2000.

BARBISAN, Leci Borges. O sentido no discurso: o olhar da Teoria da Argumentação na Língua. In: DI FANTI, Maria da Glória; BARBISAN, Leci Borges (org.). Enunciação e Discurso: tramas e sentidos. São Paulo: Contexto, 2012.

BARBISAN, Leci Borges. TEIXEIRA, Marlene. Polifonia: origem e evolução do conceito em Oswald Ducrot. Organon, Porto Alegre, v. 16, n.32/33, p. 161-180, 2002.

DUCROT, Oswald. Polifonía y argumentación: conferencias del seminario Teoría de la Argumentación y Análisis del Discurso. Cali: Universidad del Valle, 1990.

______. Estruturalismo e Lingüística. São Paulo: Cultrix, 1970.

______. Les mots du discours. Paris: Minuit, 1980.

______. O dizer e dito. Campinas: Pontes, 1987.

______. Prefácio. In: VOGT, Carlos. O intervalo semântico. 2.ed. São Paulo: Campinas: Ateliê Editorial; Editora da Unicamp, 2009.

______. Trajetória e legado de um filósofo da linguagem: Oswald Ducrot. Revista Investigações, v. 25, n. 2, p. 11-17, jul. 2012.

SAUSSURE, Ferdinand de. Curso de linguística geral. 27. ed. São Paulo: Cultrix, 2006.

WITTGENSTEIN, Ludwig. Investigações filosóficas. São Paulo: Nova Cultural, 1999.

Publicado
2019-12-26
Como Citar
Hanel Cerezoli, A., & Melchiors Niederauer, C. (2019). A Cartomante: do triângulo amoroso machadiano à trama argumentativa. EID&A - Revista Eletrônica De Estudos Integrados Em Discurso E Argumentação, 2(19), 3-17. https://doi.org/10.17648/eidea-19-v2-2383
Seção
Artigos Inéditos