Entre fatos, boatos e vontades de verdades: os sentidos produzidos pela mídia na política brasileira

  • Antônio Fernandes Júnior Universidade Federal de Goiás
  • Carine Caetano Drummond Universidade Estadual de Minas Gerais
Palavras-chave: Discurso. Enunciado midiático. Verdade. Boatos.

Resumo

Este trabalho pretende analisar enunciados que circularam na mídia brasileira entre 2006 e 2013, num breve trajeto temático de notícias envolvendo o filho do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, Fábio Luís da Silva (o “Lulinha”), e também o próprio ex-presidente, numa rede de boatos sobre uma suposta sociedade ou propriedade de “Lulinha” com uma empresa de proteína animal (FRIBOI). Acionaremos as noções foucaultianas de “saber”, “verdade” e “poder”, para leitura dos enunciados midiáticos naquilo que diz respeito à produção, à circulação e, principalmente, à apropriação dos enunciados e seus efeitos de verdade, na produção dos sentidos que circularam socialmente e se marcaram como verdadeiros. Acreditamos que as reflexões de Foucault sobre discurso, saber e verdade são produtivas para a análise de questões contemporâneas, mesmo sendo acionada para o estudo de discursividades sobre as quais o filósofo não se debruçou.
Publicado
2018-09-11